CLÍNICO

MOLUSCO CONTAGIOSO

O molusco contagioso é uma infecção freqüente de pele, de origem viral, contagiosa, causada por poxvírus. Afeta principalmente crianças. A transmissão da doença se dá pelo contato direto com pessoas contaminadas, preferencialmente as crianças, e adultos principalmente em áreas de pele mais fina.

As lesões do molusco contagioso são pequenas, elevadas, hemisféricas, da cor da pele, com aspecto translúcido e apresentando umbilicação central.

Em algumas crianças o molusco contagioso se dissemina rapidamente chegando a centenas de lesões, atingindo o tronco e a raiz dos membros, cujas lesões são assintomáticas, mas pode haver coceira discreto.

As lesões são arredondadas, elevadas, firmes, brilhantes, a cor da pele, roxas ou acastanhadas e com uma depressão central característica. Medem de 2 a 5 mm, mas podem ser maiores. O espalhamento é por auto-inoculação (de uma lesão para outra), podendo chegar a um número abundante de lesões.

Deve-se iniciar o tratamento quando surgem as primeiras lesões, evitando a disseminação que ocorre em alguns casos quando pode ser necessária a internação para realizar o tratamento sob anestesia, devido ao incômodo causado pelos métodos de remoção.

O tratamento pode ser feito através da eletrocoagulação, crioterapia, curetagem, cauterização química ou expressão manual.