ESTÉTICO

CONTORNO FACIAL

Com o passar do tempo, o corpo sofre diversas transformações e, na face não é diferente.

A perda gradativa de células que produzem as fibras de colágeno e elastina, a reabsorção óssea e dos coxins gordurosos, a fraqueza muscular e a ação da gravidade, fazem com que o contorno facial seja perdido. O rosto passa a não apresentar delimitação em relação ao pescoço, tornando-se uma só região.

 

Um dos aspectos mais marcantes do envelhecimento é a alteração do contorno facial, produzindo o efeito chamado “buldogue”, esse surge em consequência da flacidez, do afrouxamento de ligamentos anatômicos da face e do acúmulo de gordura na região inferior, na linha mandibular.

A avaliação do dermatologista será crucial para um planejamento único e ideal para cada indivíduo, conseguindo resultados naturais e duradouros.

CONTORNO FACIAL 6.png